/Mesmo com iPhone 7, vendas da Apple para 2016 podem cair até 18%

Mesmo com iPhone 7, vendas da Apple para 2016 podem cair até 18%

Este pode não ser um dos melhores anos para a Apple em termos de vendas de smartphones, na verdade, pode ser um dos piores da empresa, segundo a opinião do analista Ming Chi Kuo.

Kuo estima que para o ano de 2016 em média entre 210 e 230 milhões de iPhones sejam vendidos; na pior das hipóteses, as vendas poderiam chegar até apenas 190 milhões de unidades, número 3 milhões abaixo do que a empresa conseguiu vender em 2014, representando uma queda de 18% se comparado ao ano passado.

O analista acredita que o iPhone 7, que poderá ser feito de vidro, não deverá trazer diferenciais atrativos o suficiente para fazer com que as pessoas queiram trocar seus dispositivos, e que o número de vendas do iPhone SE terá pouco impacto no ano fiscal da empresa.

Segundo as previsões de Kuo, devido a estrutura atual do mercado, este ano a Apple pode acabar sendo uma das marcas que mais sofrerá com relação à redução no número de vendas, tendo uma queda até maior do que a Samsung, Huawei, Vivo e Oppo.

Um dos pontos negativos da empresa que o analista mais comenta refere-se à “falta de inovação”, que ele acredita ser um dos pré-requisitos para o crescimento.

Talvez uma reforma geral na experiência de uso, formato e hardware possam salvar as vendas da Apple para este ano, mas rumores já corroboram que o iPhone 7 será muito parecido com o iPhone 6s, ou seja, pode ser que a maçã acabe lançando novamente “mais do mesmo”.

Fonte: tudocelular