/Volume de desembarques em Alagoas cresce 6,75% nos oito primeiros meses do ano

Volume de desembarques em Alagoas cresce 6,75% nos oito primeiros meses do ano

Estado segue na contramão do país, que apresentou retração de 2% de janeiro a agosto de 2018

por Cecília Tavares – Agência Alagoas

(Turismo já é o segundo maior segmento da economia alagoana – Foto: Kaio Fragoso)

A movimentação de passageiros no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, em Maceió, segue na contramão do restante do país. Dados da Infraero demonstram que o desembarque em Alagoas subiu 6,75%, de janeiro a agosto deste ano. No acumulado do ano, o Estado registrou um aumento de 4,89%.

Esse é um resultado expressivo para Alagoas, uma vez que, de acordo com matéria publicada pela Folha de São Paulo no último dia 16 de dezembro, dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) apontam queda geral no número de passageiros no país nos primeiros oito meses deste ano, em relação ao mesmo período de 2017. O ritmo da retração, porém, diminuiu para 2% – antes, fora de 6% – de 2016 para 2017.

De acordo com o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, o resultado positivo em Alagoas é fruto de ações estratégicas implementadas pelo Governo do Estado, em parceria com o trade turístico.

“O turismo já é o segundo maior segmento da economia alagoana e segue a passos largos em direção à liderança. Temos realizado um trabalho intenso, com diversas medidas, a exemplo da redução do ICMS sobre o combustível de aviação (QAV), que tornou Alagoas um destino mais atrativo para as companhias aéreas. Em 2019, iremos continuar com o trabalho de atração de novos voos, já com o planejamento de um novo acordo do QAV com a Gol e a Avianca, além de já estar programado e planejado um grande investimento em mídia do turismo, fomentando ainda mais essa atividade tão importante para Alagoas”, pontuou Rafael Brito.

Promoção do Destino

A Sedetur realiza continuamente ações para fortalecer o turismo em Alagoas, com a participação em feiras nacionais e internacionais, a realização de famtours e presstrips, além do apoio a festivais gastronômicos, que fomentam o turismo no Estado.

Somente este ano, a secretaria realizou 13 famtours com operadores e agentes de viagens do Brasil, Paraguai, Uruguai, Chile, Argentina e Itália, que realizaram visitas técnicas a produtos turísticos e participaram de capacitações e workshops sobre o Destino.

Além disso, a Sedetur investe na qualificação da mão de obra local, com a capacitação de quem trabalha diretamente com a atividade turística nos municípios alagoanos, por meio do programa Capacita Sedetur que, em 13 edições este ano, já capacitou cerca de 500 pessoas nas regiões do Agreste, Sertão, Costa dos Corais e Metropolitana.