/Reino Unido diz que meio milhão de pessoas pedem assistência

Reino Unido diz que meio milhão de pessoas pedem assistência

Número mostra como pandemia de coronavírus abala renda da população

por William Schomberg, da Reuters* – Londres

Foto: © REUTERS/Hannah Mckay/Direitos Reservados

Quase meio milhão de pessoas do Reino Unido já pediram assistência ao governo nos últimos nove dias, um sinal de como a interdição de grande parte da economia para desacelerar a disseminação do coronavírus está abalando a renda das pessoas.

Peter Schofield, principal autoridade civil do Departamento de Trabalho e Pensões, disse a parlamentares que 477 mil pedidos de benefícios de crédito universal foram registrados desde a segunda-feira da semana passada (16).

Therese Coffey, ministra britânica do Trabalho e das Pensões, disse que não está claro quantas das pessoas que fizeram os pedidos são autônomas, categoria para a qual o governo ainda tem que anunciar medidas de apoio salarial semelhantes àquelas das pessoas empregadas.

“Quero assegurar às pessoas que a ajuda, ainda que atualmente não esteja no nível de ajuda que gostariam, está aqui para auxiliá-las através da rede de segurança do Estado de bem-estar social”, disse Coffey.

O porta-voz do Departamento de Trabalho e Pensões não estava disponível de imediato para fornecer maiores detalhes sobre os números.