/Quem substitui Jesus?

Quem substitui Jesus?

Por: Ildo Rafael – da redação

João advertiu em suas cartas de que iriam aparecer muitos que se apresentariam como substitutos do seu Mestre. O escritor do Apocalipse deixou alguns sinais de que os falsos filhos de Deus seriam identificados sem muitas dificuldades e uma delas é o que o próprio Jesus ensinou: “E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre”, João 14.16. Esta é a promessa de que seria enviado um substituto e que esta geração após o Filho ter vindo à terra, por pouco tempo, não ficaria sem um Ajudador, Advogado e Amparador.
Estas são as características daquele que seria enviado para estar conosco todos os dias até a volta do Rei. O gostoso nesta promessa é que o Jesus físico, humano, que esteve a dois mil anos lá em Israel, precisa ser visto pelos povos das cidades e se locomovia como humano, levando o reino dos céus.

Seu substituto está em todos os lugares ao mesmo tempo de maneira física, todas as vezes em que é chamado. A promessa sobre Ele, através do profeta Joel é de que quando viesse seria identificado por suas ações. Joel 2. 28 E há de ser que, depois derramarei o meu Espirito sobre toda à carne. O que Jesus fez foi lembrar a esta geração da promessa lá da antiguidade e que seria realizada após o cumprimento de seu ministério na terra, na condição de homem. Outra promessa que identifica seu substituto, está neste verso de João 15.26 – “Mas quando vier o Consolador que eu da parte do Pai vos hei de enviar, aquele Espirito de verdade, que procede (vem) do Pai, ele testificará de mim”.

Todo espírito atuando em seres humanos que fala de Jesus, mas busca à gloria para si próprio, tem características de um anti-Jesus, ou anti-Cristo. Este substituto que permanece conosco no planeta, atuando nas vidas, para consolar, ensinar, revelar, curar, restaurar e nos convencer do que é o pecado, tem uma atuação simultânea em todas as vidas que buscam o conhecimento do Criador e os ensinos deixados por seu Filho.

Invocar o Espírito Santo para todas as situações e escolher ser seu amigo e parceiro é o que existe de mais inteligente e sábio entre nós. O Espírito Santo está dentro de nós, fazendo morada até o momento em que não O entristecermos. É Ele que identifica e nos revela os espíritos enganadores. Os falsos mestres e anti Cristo, o pecado, os caminhos e decisões erradas, o

Espírito Santo, semelhante ao que Jesus fazia ensinava nos leva a revelação do certo e do errado.
Do acerto ao erro é Ele que nos faz companhia para atender ao que disse Jesus. Subo para o meu Pai, meu Deus e vosso Deus. Jo 20.17.