/Pais se unem e fazem abaixo-assinado contra ‘gênero neutro’ nas escolas

Pais se unem e fazem abaixo-assinado contra ‘gênero neutro’ nas escolas

Redação A Hora News

Legenda: A expressão “querides alunes” visa agradar transexuais e pessoas não-binárias | Foto: Reprodução Internet

Uma escola do Rio de Janeiro decidiu adotar o “terceiro gênero” dentro da instituição usando “querides alunes” [queridos alunos] e isso não agradou os pais mais conservadores.

Um grupo de pais resolveu promover um abaixo-assinado contra o gênero neutro que não existe na Língua Portuguesa, mas que tem está sendo inserido nas instituições de ensino para “agradar” transexuais e pessoas não-binárias (que não se identificam como homens e nem como mulheres).

O documento pede a “não mudança da Norma Culta da língua Portuguesa em documentos e comunicados oficiais das escolas” por entender a medida “como um movimento de ‘ideologia de gênero’”.

Até o final desta segunda-feira (23), o abaixo-assinado tinha mais de 2,5 mil assinaturas, atraindo atenção de pais de todo o Brasil.

“Reconhecemos a importância de se terem projetos criados por comitês de diversidade e de inclusão dentro das instituições de educação, entretanto não concordamos que projetos tenham viés ideológicos”, diz o texto.

“Optamos pelo ensino Tradicional e Culto da Língua Portuguesa. Não somos favoráveis a escolas darem liberdade para os professores utilizarem a neutralidade pronominal SEM debater ou ao menos dar ciência aos pais”, completa o texto.

Para assinar você pode clicar aqui.