/Celso de Mello divulga vídeo de Bolsonaro e ministros; assista aqui

Celso de Mello divulga vídeo de Bolsonaro e ministros; assista aqui

Redação A Hora News

Legenda:  Imagem de Bolsonaro e seus ministros durante reunião ministerial em 22/04/2020. | Foto: Divulgação Presidência

Nesta sexta-feira (22), o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), divulgou o vídeo da reunião de 22 de abril entre o presidente Jair Bolsonaro e seus ministros.

O vídeo foi solicitado pelos advogados do ex-ministro Sérgio Moro, que acusou o presidente de querer interferir na Polícia Federal para proteger seus familiares e amigos.

No vídeo, Bolsonado disse que pode e vai interferir em todos os ministérios. “Vou interferir e ponto final”, disse ele sobre as mudanças nos ministérios e chamando os ministros para se posicionarem politicamente.

Em sua fala, o presidente reclama que a PF não informa nada e que a Abin não tem condições de fazer essas investigações e chegou a reclamar da perseguição contra seus familiares e amigos, citando exemplos de fake news sobre seus irmãos que foram publicadas pela grande imprensa.

“Já tentei trocar gente da segurança nossa no Rio de Janeiro oficialmente e não consegui. E isso acabou. Eu não vou esperar f@*&$ minha família toda de sacanagem, ou amigo meu, porque eu não posso trocar alguém da segurança na ponta da linha que pertence à estrutura. Vai trocar; se não puder trocar, troca o chefe dele; não pode trocar o chefe, troca o ministro. E ponto final. Não estamos aqui para brincadeira”, disse.

Em outras partes do vídeo, Bolsonaro cobra ação da sua equipe, defende o povo brasileiro, critica a soltura de criminosos e governadores e prefeitos que estão usando politicamente do novo coronavírus.

“Tenho conversado com algumas aqui em Brasília que não sabem o que é o povo, o que é arroz e feijão e que estão protegidos com seus salários de R$ 100 mil”, falou ele.

Bolsonaro também defendeu o armamento da população para impedir que a se instale uma ditadura no Brasil, incluindo os decretos dos governos estaduais e municipais sobre o coronavírus. “O povo armado jamais será escravizado”.

Assista:

Reunião Ministerial de 22 de abril- Mais uma farsa desmontada;- Nenhum indício de interferência na Polícia Federal;- João 8, 32 – “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”.

Publicado por Jair Messias Bolsonaro em Sexta-feira, 22 de maio de 2020